Sem categoria

A festa de Clarice

Reunir os amigos no conforto de casa é um lazer misturado à ansiedade. Aquela expectativa de tudo sair perfeito, desde a escolha da música até o cardápio de comidas e bebidas. Um “risco” que, sendo bem franco, causa em mim certo pavor ao imaginar que mesmo um talher pode sair do lugar e a confusão tomar conta. Uma bobagem para muitos que defendem essa mistura de ordem e improviso, capaz de fixar o encontro na memória por dias. E se for em um sábado à noite, então…

Como já definiu Clarice Lispector em uma de suas crônicas: “(…) todos podem divertir-se um pouco mais porque domingo de manhã a preguiça está no ar e é permitida (…)”. Um resumo elegante, bem Clarice de ser, em que a escritora justifica algo latente em qualquer ser humano – que adora esticar suas horas de lazer. Ela, por sua vez, com uma escrita marcante e feminina, inspira muitas anfitriãs a receberem com criatividade no que muitos chamam de “manual de sobrevivência”.

São dicas que Clarice expressou em um dos seus textos, no jornal Diário da Noite (RJ), que se assemelham à rotina da chef Danielle Johnnei. Aliás, não haveria convidada mais indicada para resgatar o tema, se não ela. Apaixonada pelos eventos dentro de casa, sempre regados à bom papo, Dani (para os amigos) retirou do texto (confira aqui) a praticidade da organização. “Visualizei toda a cena e trouxe isso para a realidade atual. Por isso, preparei três opções de bruschettas (receita) montadas com ingredientes finos e de qualidade”, acrescenta. Para idealizar a ocasião ideal, o ilustrador Lincoln Rodrigues explorou a cor. “me fez pensar em cores vivas, em uma lugar aconchegante, onde todos se sentisse bem. Tentei passar um pouco da época que ela viveu pelas peças de roupa”, finaliza.

Danielle Johnnei Eventos
www.daniellejohnnei.com.br
Fone: (81) 8860.2975